« Voltar

Justiça do Trabalho fecha mais de R$ 1 bilhão em acordos durante a Semana de Conciliação


A Justiça do Trabalho, mais uma vez, teve participação de destaque na 12ª Semana Nacional da Conciliação, promovida pelo Conselho nacional de Justiça (CNJ) entre 27 de novembro e 1º de dezembro. Dos 126.732 acordos realizados em todo o Brasil, mais de 23 mil foram celebrados por tribunais ou varas trabalhistas. Foram quase 65 mil audiências realizadas, que proporcionaram a homologação de mais de R$ 1 bilhão, valor que corresponde a 65% do montante movimentado pelos três ramos da Justiça (Estadual, Federal e Trabalhista).
 

O Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região, com jurisdição no Rio Grande do Sul, foi o Regional que mais movimentou valores, homologando mais de R$ 460 milhões em acordos nos cinco dias de mutirão. Logo após, veio o TRT da 15ª Região, com sede em Campinas/SP, que homologou R$ 124,4 milhões. Em Mossoró, no Rio Grande do Norte, onde o TRT da 21ª Região homologou cerca de R$ 8 milhões, apenas uma empresa foi responsável por quase 50% desse valor. A Confiança Mudanças e Transportes firmou R$ 3,8 milhões em acordos trabalhistas. A conciliação, coordenada pelo juiz do trabalho Magno Kleber Maia, solucionou 230 processos da empresa com ex-empregados. 

Outros ramos
A 12ª edição da Semana Nacional da Conciliação 2017 proporcionou o atendimento de mais de 752 mil pessoas por 5 mil magistrados, 6,4 mil conciliadores e 6,8 mil voluntários. Durante a Semana, mais de 225 mil processos que estavam em tramitação no Poder Judiciário Nacional foram solucionados de forma consensual. Foram realizadas 318.902 audiências, das quais 70% resultaram em acordos. O valor dos acordos atingiu o montante de R$ 1,57 bilhão. Desse total, a Justiça Federal homologou R$ 49,8 milhões e a Estadual, R$ 490,9 milhões.

 

Semana Nacional da Conciliação
A Semana Nacional da Conciliação tem o objetivo de auxiliar a sociedade a solucionar os próprios conflitos por meio da conciliação e reduzir, por consequência, milhares de processos de maneira segura e satisfatória. 

A conciliação pode ser utilizada em diversos casos: verbas trabalhistas, pensão alimentícia, divórcio, desapropriação, inventário, partilha, guarda de menores, acidentes de trânsito, dívidas em bancos e financeiras e problemas de condomínio, entre vários outros. 

Em 2017, participaram da Semana Nacional de Conciliação 57 tribunais de três ramos da Justiça – Estadual, Federal e do Trabalho. 

Veja os resultados de 2017. 

Acesse os resultados de campanhas anteriores.
 

(Rodrigo Tunholi/GR)

Divisão de Comunicação do CSJT
Esta matéria tem caráter informativo, sem cunho oficial.
É permitida a reprodução mediante citação da fonte.
(61) 3043-4907 

  

 

 

_____________________________________________
Conteúdo de Responsabilidade da DCCSJT
Divisão de Comunicação
Email: comunica@csjt.jus.br
Telefone: (61) 3043-4907