« Voltar

Presidente do CSJT e do TST faz agradecimento à equipe da coordenadoria técnica do PJe


O presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST) e do Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT), ministro Ives Gandra Martins Filho, se reuniu nesta terça-feira (19) com a equipe da coordenadoria técnica do Processo Judicial eletrônico para agradecer pelos serviços prestados no biênio de sua gestão. Estiveram presentes também a secretária-geral do CSJT, Márcia Lovane Sott, o coordenador nacional do Sistema do PJe-JT e juiz auxiliar da presidência do CSJT/TST, Fabiano Coelho de Souza, o juiz auxiliar da presidência do TST/CSJT e integrante da Coordenação Nacional do Sistema do PJe-JT, Maximiliano Pereira de Carvalho, e o juiz do Trabalho e integrante do Grupo Nacional de Negócio do PJe, Fabiano Pfeilsticker.


O presidente do CSJT, ministro Ives Gandra Martins Filho, parabenizou a cada um pelo legado deixado para a próxima gestão, incluindo a Justiça do Trabalho 100% eletrônica – com o PJe instituído em todas as Varas do Trabalho, e com a instalação da versão 2.0 do Pje em 5 varas do trabalho. De acordo com o presidente do TST, a pesquisa de satisfação do Pje foi um sucesso. “Reconheço que estou fazendo um marketing da Justiça do Trabalho para o Poder Judiciário. E digo que o Poder Judiciário vai dever muito à Justiça do Trabalho, porque nós somos os vanguardistas novamente com a versão 2.0”, comentou.


Ives Gandra completou sua participação desejando um santo Natal e um ano-novo repleto de realizações aos presentes. “Em nome de todo o TST, e de toda a Justiça do Trabalho, eu agradeço a todos que trabalharam no PJe e contribuíram com esta conquista”, disse o presidente para, na sequência, citar Winston Churchill. “Nunca tantos deveram tanto a tão poucos”, finalizou.


Fabiano Coelho mencionou as dificuldades, os desafios enfrentados, bem como o empenho dos servidores e magistrados envolvidos em atingir todas as metas estipuladas. “Vocês conseguiram vencer porque são uma equipe fantástica. Não tem barreiras nem limites que segurem a capacidade de vocês. Agradeço à secretária-geral e ao presidente do TST e do CSJT porque eles fizeram história na Justiça do Trabalho. Nunca houve um apoio tão forte para a área tecnológica como nesta gestão”, afirmou.


Já Maximiliano Carvalho ressaltou que a implantação do PJe foi um projeto muito grande e desafiador da gestão do ministro Ives Gandra Martins Filho. Porém, ao encerrar a gestão, e com o apoio do presidente do TST e da secretária-geral, ele foi alcançado com êxito, superando as expectativas. “Ficamos felizes em deixar esse castelo maravilhoso nas mãos do juiz do Trabalho Fabiano Pfeilsticker”, concluiu. Pfeilsticker foi convidado pela futura administração para ser o coordenador nacional do Sistema do PJe-JT, no biênio 2018/2020.


(Nathalia Valente/RT)

 

_____________________________________________
Conteúdo de Responsabilidade da DCCSJT
Divisão de Comunicação
Email: comunica@csjt.jus.br
Telefone: (61) 3043-4907