Menu de Navegação

Notícias

null Acordo entre Destilaria Gameleira e ex-empregados é destaque no Conciliando
 
                         Baixe o Áudio
      
 

A última edição inédita do programa conciliando destacou o acordo de R$ 2 milhões homologado pela Vara do Trabalho de Confresa (MT). A conciliação encerrou seis ações civis públicas movidas contra a antiga Destilaria Gameleira. Cerca de R$ 1 milhão será revertido a 149 ex-empregados da empresa, que receberão R$ 7 mil cada um. As ações foram movidas pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) após fiscalizações realizadas na fazenda onde funcionava a destilaria, entre 2005 e 2009. A empresa ficou conhecida pela exploração de mão de obra em condições análogas às de escravidão.

No quadro “Giro da Conciliação”, o destaque foi o acordo realizado entre o supermercado Extra e o Ministério Público do Trabalho (MPT), que encerrou um processo que tramitava há 10 anos na 3ª Vara do Trabalho de Natal (RN). O MPT apresentou ação civil pública contra a empresa por danos morais coletivos. O supermercado se comprometeu a reverter uma multa de mais de R$ 449 mil em favor do Hospital Infantil Varela Santiago.

A reintegração de 37 empregados do metrô de São Paulo também foi destaque no “Giro”. Eles paralisaram as atividades às vésperas da Copa do Mundo de 2014. Na ocasião, a categoria reivindicava reajuste nos salários e na participação nos lucros e resultados, além de melhorias no plano de carreira e na jornada de trabalho. O acordo garantiu aos metroviários estabilidade de 12 meses, reconhecimento de que não houve nenhum ilícito criminal por ocasião da greve e pagamento de todo o período de afastamento, totalizando R$ 14 milhões.

No quadro de entrevistas, Rafael Silva e o juiz do Trabalho Rogério Neiva conversaram com o mediador especialista em Sistema de Desenho de Disputa, Diego Falec. Durante o bate-papo, Falec explicou termos relativos ao tema e falou sobre a experiência adquirida na área.

Recesso

Durante o mês de julho, com as férias coletivas dos ministros do Tribunal Superior do Trabalho (TST), o programa Conciliando vai ao ar apenas com reprises das melhores edições ao longo do primeiro semestre. As versões inéditas voltam à grade da Rádio Justiça a partir de sexta-feira, 3 de agosto.

O programa "Conciliando" é uma produção da Comissão Nacional de Promoção à Conciliação, ligada à Vice-Presidência do CSJT, em parceria com a Rádio TST. O programa vai ao ar todas às sextas-feiras, às 16h30, na Rádio Justiça (104.7 FM), com reprise aos sábados e aos domingos, às 9h30. O programa também pode ser acessado pelo site http://www.csjt.jus.br/programa-conciliando.

(JA/RT– Divisão de Comunicação do CSJT)

Divisão de Comunicação do CSJT
Esta matéria tem caráter informativo, sem cunho oficial.
É permitida a reprodução mediante citação da fonte.
(61) 3043-4907

 

 

Rodapé Responsável DCCSJT

Conteúdo de Responsabilidade da SECOM/TST
Telefone: (61) 3043-7882
E-mail: secom@tst.jus.br