Menu de Navegação

Notícias

null 4.410 processos da 6ª Região (PE) são solucionados durante o período de suspensão das atividades presenciais

Nessas duas semanas de home office, foram prolatadas 1.265 sentenças, solucionados 625 incidentes processuais, proferidos 21.539 despachos e homologados 413 acordos.

Como medida sanitária para conter os avanços do COVID-19, doença causada pelo Novo Coronavírus, o Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região (PE) suspendeu suas atividades presenciais em 18 de março e estabeleceu regime de plantão extraordinário, em que magistrados e servidores permanecem executando suas atividades mediante trabalho remoto.

Nessas duas semanas de home office, foram prolatadas 1.265 sentenças, solucionados 625 incidentes processuais, proferidos 21.539 despachos e homologados 413 acordos, tudo por meio do Processo Judicial eletrônico (PJe).

As Turmas do Tribunal estão realizando sessões virtuais para julgar os recursos e já contabilizam 1.022 acórdãos. Além disso, houve 25 decisões monocráticas e a apreciação da admissibilidade de 1.060 recursos de revista e agravos de instrumento.

Outra providência estabelecida pelo TRT foi determinar que as varas do trabalho priorizassem a expedição de alvarás. Como resultado, as unidades emitiram 2.571 ordens de liberação de crédito para aqueles que tinham direito a receber valores, o que corresponde a um montante de R$ 24,9 milhões, sendo R$ 13,5 milhões provenientes da execução, R$ 9,2 milhões de acordos e dois milhões pelo pagamento espontâneo. Outros R$ 3,8 milhões foram recolhidos ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Acompanhe aqui a produção do Tribunal.

Fonte: TRT da 6ª Região (PE)

Rodapé Responsável DCCSJT

Conteúdo de Responsabilidade da SECOM/TST
Telefone: (61) 3043-7882
E-mail: comunica@csjt.jus.br